Entenda o que é bem-estar físico, mental e social dos colaboradores

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a saúde é um “estado de bem-estar físico, mental e social, e não apenas a ausência de doença ou de enfermidade”. Portanto, quando as empresas se preocupam com a saúde dos seus funcionários, elas precisam olhar para esses pilares do bem-estar.

Além disso, existem outras dimensões relacionadas com a saúde, como a vida financeira, ambiental, intelectual, ocupacional e espiritual. Continue a leitura e entenda tudo logo abaixo!

Bem-estar físico, mental e social: o que são?

Primeiramente, vamos explicar o que é o bem-estar físico, mental e social — pilares do bem-estar humano. Veja:

Bem-estar físico

O bem-estar físico se refere às condições do nosso corpo que vai além da ausência de doenças, pois também está relacionada à:

  • disposição;
  • vida saudável;
  • autoestima física e força.

Alguns fatores podem impactar nosso bem-estar físico, como má alimentação, genética e condições de trabalho. Por isso, a produtividade e motivação dos funcionários nas empresas podem ser afetadas se essas questões estiverem abaladas.

Bem-estar mental

O bem-estar mental é um estado de equilíbrio da nossa mente com emoções positivas e negativas. Em outras palavras, é a sensação de estarmos bem consigo mesmos e saber administrar as emoções sem se abalar com as interferências externas.

Assim, o trabalho pode afetar o bem-estar mental dos colaboradores, uma vez que as emoções estão ligadas às:

  • frustrações no dia a dia;
  • medo de perder o emprego;
  • conflitos profissionais com colegas de trabalho;
  • entre outros ruídos do ambiente corporativo.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), os transtornos mentais e comportamentais estão entre os principais motivos de faltas no trabalho no mundo. Ela também alega que os casos leves podem levar a 4 dias de ausência no trabalho por ano, já os mais graves cerca de 200 dias ao ano.

Bem-estar social

O bem-estar social está relacionado à interação e engajamento entre os indivíduos na sociedade, ou seja, a capacidade de se relacionar com outras pessoas em ambientes sociais.

Essa habilidade de interação com outros indivíduos pode trazer benefícios para nossa saúde individual. No trabalho, esse fator também pode ser impactado por meio da relação com os colegas profissionais.

Por que o bem-estar físico, mental e social no trabalho são importantes?

Agora que você sabe o que é bem-estar físico, mental e social, vamos explicar a importância desses fatores para os colaboradores e empresa.

Bem-estar físico no trabalho

Se o bem-estar físico dos funcionários for impactado negativamente com condições de trabalho que levam à indisposição, má alimentação em horários irregulares, entre outros pontos que interferem na capacidade física do profissional, então a empresa precisa cuidar desse pilar.

Afinal, o trabalhador indisposto pode ter dificuldades de cumprir as tarefas diárias, já que não possui energia e vontade física de realizar suas atividades, podendo até ser afastado do trabalho ou faltar por conta de consultas médicas.

Bem-estar mental no trabalho

Quando a saúde mental do trabalhador não está equilibrada, a empresa tende a sentir os impactos com:

  • ausências do funcionário;
  • relações problemáticas entre os profissionais;
  • redução da produtividade;
  • entre outras complicações.

Se o colaborador precisar se afastar para cuidar do seu bem-estar mental, então a empresa deverá substituí-lo por outro profissional e, assim, terá mais custos com a contratação e adaptação do novo funcionário.

Bem-estar social no trabalho

O impacto negativo sobre o bem-estar social dos funcionários está presente na:

  • desarmonia;
  • falta de interação;
  • pouco engajamento;
  • comunicação falha no ambiente corporativo. 

Nesse contexto, os colaboradores terão dificuldades de se sentir bem no trabalho e, consequentemente, não alcançarão suas metas profissionais, seu trabalho perderá qualidade e poderá pedir afastamento da empresa.

O que o RH pode fazer para promover esses 3 tipos de bem-estar?

Conseguiu perceber o que a falta do bem-estar pode fazer com a saúde dos colaboradores e da empresa?

Mas fique tranquilo! É possível reverter esse quadro e promover esses três pilares no dia a dia do trabalho. Veja como a seguir!

Levantamento dos problemas

Essa é a hora de olhar para dentro da empresa e identificar quais são as falhas que estão impactando negativamente esses 3 pilares do bem-estar. 

Para isso, faça pesquisas de satisfação e converse com os profissionais para levantar todos os problemas que o RH terá que lidar pela frente.

Crie um programa de bem-estar

Após descobrir o que está atrapalhando a satisfação na sua empresa é hora de criar um programa para cuidar desses 3 fatores. 

Portanto, defina o que deve ser feito para aumentar a disposição, melhorar a alimentação, reduzir faltas, criar um ambiente emocional saudável, gerar interação entre os colegas, entre outras ações que impactam a saúde física, mental e social dos funcionários.

Ofereça benefícios eficientes

Entenda as necessidades dos colaboradores para entregar benefícios corporativos que impactam o bem-estar físico, mental e social.

Como cada perfil profissional tem sua própria necessidade, portanto a nossa dica é oferecer um benefício flexível com mais diversidade de uso.

O benefício da Allya oferece uma plataforma de descontos para os colaboradores utilizarem e economizarem na academia (bem-estar físico), serviços de saúde (bem-estar mental), entretenimento e lazer (bem-estar social) e muito mais.

Acompanhe o bem-estar dos funcionários

Após realizar algumas ações para promover o bem-estar dos colaboradores, é necessário acompanhar os erros e acertos dessas iniciativas.

Peça feedbacks dos profissionais sobre as mudanças realizadas na empresa e esteja sempre aberto ao diálogo. Também procure fazer avaliações sobre as ações realizadas para continuar promovendo o bem-estar físico, mental e social dos colaboradores.

Se preocupe com outros tipos de bem-estar

O bem-estar tem outros pilares que também merecem a mesma atenção por parte do RH e da empresa, como:

  • bem-estar financeiro dos funcionários — que nada mais é do que ajudá-los a organizar suas finanças, arcar com suas necessidades essenciais, aproveitar a vida e guardar dinheiro para o futuro;
  • bem-estar intelectual — que pode ser estimulado por meio de atividades culturais, aprendizagem, exercício da criatividade e outras ações;
  • bem-estar espiritual que é a liberdade de exercer sua fé, religiosa ou filosófica, com respeito e tranquilidade no trabalho. 

Agora que você sabe tudo sobre os pilares do bem-estar, fica a questão: você está cuidando da saúde e satisfação dos seus funcionários? Conte com a Allya para promover bem-estar na empresa!

Posts Recentes

Categorias

Amanda Miquelino

Amanda Miquelino

Jornalista, apaixonada pelo SEO e pelo Marketing Digital. Estou desvendando o mundo do RH para encontrar os melhores benefícios corporativos que promovam o bem-estar aos colaboradores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

document.getElementsByName('comment')[0].placeholder='Seu comentário aqui...'; document.getElementsByName('author')[0].placeholder='Nome (obrigatório)';