Os indicadores na empresa: Clima e Cultura Organizacional

RH, provavelmente, você já ouviu falar sobre Clima e Cultura Organizacional, mas você sabe como medir esses indicadores na empresa? Sabe da importância de entender como estão os níveis desses pontos de referência sobre os seus colaboradores? No evento da Allya sobre Cultura Organizacional e a nova geração, a Isabella Botelho, Co-fundadora da Pin People e líder da área Comercial, explicou melhor sobre esse assunto. 

Veja abaixo os principais tópicos dessa palestra que irá te ajudar muito no dia a dia. Confira!  

Indicadores na empresa: o que são?

Isabella Botelho começou o bate-papo explicando o que é Cultura Organizacional: “É fazer com que as empresas consigam reunir os hábitos, os comportamentos, as crenças, os valores e todas as políticas internas e externas da corporação”, explica.

Já o Clima Organizacional tem como missão entender as principais necessidades, preocupações e percepções dos colaboradores no dia a dia de trabalho.

Portanto, Clima e Cultura Organizacional são indicadores na empresa que ajudam os trabalhadores a crescerem dentro da instituição.

Isabella resume esses índices de maneira muito clara: “Eu gosto de falar que, no final do dia, a cultura é tudo que vivemos na empresa, a forma como vivemos, a forma como vemos os sinais e as coisas que estão acontecendo no dia a dia”, exemplifica.

O desafio do home office sobre a experiência do colaborador

Botelho ressaltou o momento atual em que muitos funcionários estão trabalhando em home office, então o desafio para entender e medir os indicadores da empresa são maiores. 

A Co-fundadora da Pin People acredita que é preciso contribuir com a experiência dos colaboradores através dos seguintes pontos de vista:  

  • É preciso enxergar uma perspectiva sobre o que são processos, expectativas, desenho organizacional do olhar da empresa para os colaboradores.
  • Assim como a perspectiva do colaborador quanto às suas expectativas e necessidades no dia a dia. 

Isabela ressalta que quanto maior o encontro entre essas duas perspectivas, melhor será o que chamamos de Experiência do Colaborador

Como descobrir se a Cultura Organizacional não está saudável?

Para descobrir se a Cultura Organizacional não está saudável é preciso medir esse indicador no dia a dia. Isabella ensina duas formas: “Uma opção não precisa de tecnologia para medir, já que o líder é o responsável por manter essa Cultura Organizacional ao ter mais proximidade com seu time para entender o que está acontecendo com os colaboradores e informar ao RH”.

A segunda opção apontada por Botelho conta com a ajuda de uma tecnologia para medir alguns pontos com uma frequência maior para entender como está a experiência dos colaboradores dentro da organização, e não apenas uma vez por ano. 

Relatório da Pin People sobre a experiência do colaborador em 2020

Isabella apresentou um relatório da Pin People, lançado em março deste ano, sobre o panorama da Experiência do Colaborador em 2020, com mais de 150 mil respondentes. Podemos citar alguns pontos levantados da pesquisa: 

  • A geração Y e a geração Z se adaptaram muito bem ao processo do novo onboarding (primeiros 6 meses do novo colaborador) em 2020.
  • A geração X sofre um pouco mais com os recursos tecnológicos, como o acesso ao onboarding digital.
  • A geração Y não nasceu no mundo digital, mas sua entrada no mercado de trabalho já era digital, então já tem um contato muito maior para usar as tecnologias. 
  •  A nova geração necessita de um feedback mais rápido para entender sua evolução no trabalho. 

Clique aqui para ter acesso à pesquisa completa. 

A preocupação em cuidar da saúde mental

Botelho ressaltou a importância das empresas cuidarem da saúde mental dos trabalhadores: “A saúde mental na jornada por geração merece atenção porque ela vem caindo conforme a geração for mais nova. As gerações mais experientes estão com a saúde mental melhor do que as gerações mais novas, estão isso serve como alerta para as empresas tentarem descobrir porque isso está acontecendo”.

A líder comercial da Pin People pede que as empresas deem uma atenção especial para entender a realidade dos colaboradores: “Precisamos lidar com o fato de termos diferentes pessoas dentro da mesma organização, que estão vivendo momentos diferentes… Esse é um grande desafio para o RH”.

Isabella falou da importância de entender os diferentes momentos das vidas dos funcionários, como aqueles que moram com os pais e não possuem um local específico de trabalho em casa, pessoas que moram sozinhas e se sentem mais solitárias ou colaboradores que possuem filhos pequenos. 

Como medir os indicadores na empresa? 

Isabella Botelho conta que a metodologia que mais está sendo usada no mundo do RH é o eNPS. Ela acredita que uma pergunta com pontuação de 0 a 10 sobre quanto o colaborador recomendaria a organização como uma boa empresa para se trabalhar é uma ótima métrica para entender como está a experiência dos funcionários (comparabilidade).

Existem diversas maneiras de medir os índices na empresa, como o eNPS, pesquisa de Clima Organizacional, Pesquisa de Satisfação, entre outras. 

A experiência da geração Baby Boomers

Segundo a pesquisa, a experiência dos Baby Boomers dentro das organizações está com o eNPS baixo. A explicação da Isabella para o nível apresentado é porque a geração não estava acostumada a trabalhar muito com a internet e sem ter o contato presencial com outros funcionários.

Botelho explica que essas pessoas estavam muito acostumadas a fazerem reuniões presenciais e não vieram do mundo digital.

Por isso é importante oferecer e ensinar as ferramentas digitais de comunicação para todas as gerações, principalmente os Baby Boomers, além de outras ações para tornar melhor a experiência de todos da empresa. 

RH, você está medindo os índices da sua empresa?

Após aprender sobre Clima Organizacional, Cultura Organizacional, Experiência do Colaborador, entre outros indicadores, procure medir e entender os níveis de todas as gerações da sua empresa! 

É muito importante saber como está o nível de cada geração para realizar as estratégias corretas e melhorar a vida de todos da instituição. 

Assista ao vídeo completo: 

O que achou dos indicadores na empresa? Como você mede esses índices com os seus colaboradores? Conte com a ajuda da Pin People e Allya!

Posts Recentes

Categorias

Amanda Miquelino

Amanda Miquelino

Jornalista, apaixonada pelo SEO e pelo Marketing Digital. Estou desvendando o mundo do RH para encontrar os melhores benefícios corporativos que promovam o bem-estar aos colaboradores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

document.getElementsByName('comment')[0].placeholder='Seu comentário aqui...'; document.getElementsByName('author')[0].placeholder='Nome (obrigatório)';