Promoção da saúde mental dos funcionários: como o RH pode ajudar?

Atualmente, o setor de RH das empresas está passando por uma grande revolução tecnológica por conta dos softwares, plataformas e aplicativos voltados para a eficiência dessa área. 

No entanto, os responsáveis deste departamento sabem como é importante cuidar da saúde mental dos funcionários. Por isso, neste texto, nós da Allya vamos mostrar como criar estratégias inovadoras para promoção do bem-estar mental, físico, financeiro e social dos colaboradores. Confira abaixo!

O que é saúde mental?

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a saúde mental é “um estado de bem-estar no qual o indivíduo é capaz de usar suas próprias habilidades, recuperar-se do estresse rotineiro, ser produtivo e contribuir com a sua comunidade”. 

Sendo assim, a saúde mental é composta por alguns elementos, como:

  • satisfação pessoal;
  • capacidade de superação (resiliência);
  • produtividade acadêmica;
  • realização profissional;
  • participação social.

Como a construção da saúde mental está ligada à produtividade e ao desempenho, as condições do ambiente de trabalho podem afetar negativamente o equilíbrio psíquico do ser humano. 

Portanto, as empresas precisam se atentar aos sinais de sobrecarga, esgotamento, do clima corporativo, incentivos oferecidos, feedbacks realizados, entre outras influências no dia a dia dos trabalhadores. 

A saúde mental dos funcionários   

Infelizmente, apenas 37% das empresas brasileiras se preocupam com a saúde mental dos funcionários, segundo pesquisa realizada pelo LinkedIn. Esse levantamento foi conduzido pela Opinion Box, em dezembro de 2021, e entrevistou 1.019 usuários da rede social profissional em todo o país.

Esse dado apresenta um grande problema vivenciado no meio corporativo: a falta de estratégias para o cuidado e a promoção do bem-estar dos trabalhadores. 

Apesar de não ser um problema recente, a situação da saúde mental dos colaboradores piorou após a pandemia da Covid-19, o isolamento, a mudança de formato de trabalho (home office), a sobrecarga de atividades e as incertezas que esse cenário causou nos funcionários. 

Por isso, as empresas precisam saber que houve um aumento dos sofrimentos psicológicos, dos sintomas psíquicos e dos transtornos mentais dos profissionais nos últimos anos. 

Importância de cuidar da saúde mental no trabalho

Segundo levantamento da consultoria B2P, os transtornos mentais causaram mais afastamentos no trabalho que Covid. Os dados consideraram os afastamentos entre março de 2020 e março de 2021. A pesquisa foi realizada com 331 mil colaboradores em 18 empresas. 

Diversos funcionários foram afastados das suas atividades por transtornos mentais como depressão e ansiedade. Por isso, sem dúvidas, o maior capital de uma empresa são os seus colaboradores. 

Portanto, é preciso cuidar da saúde e bem-estar desses funcionários por meio de   iniciativas que tragam retornos positivos para os trabalhadores e instituição. 

Ao investir em políticas e estratégias de bem-estar corporativo, os resultados desse investimento são:  

  • valorização do capital humano;
  • aumento do engajamento dos colaboradores;
  • atração e retenção de talentos;
  • diminuição da taxa de turnover;
  • queda das ausências no trabalho;
  • diminuição dos custos envolvidos pelos afastamentos por saúde, como evitar gastos com contratação temporária;
  • promoção de um ambiente corporativo mais saudável;
  • melhora a comunicação com colegas de trabalho;
  • capacidade física e funcionamento diário.
homem meditando para ilustrar matéria sobre saúde mental

A saúde mental e outros tipos de bem-estar

A saúde mental depende de outros tipos de bem-estar, como o físico e social, segundo a Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS).

A instituição lembrou que o conceito de saúde vai além da ausência de doenças, já que só é possível ter saúde quando há completo bem-estar físico, mental e social

Além desses tipos de bem-estar informados pela OMS, também precisamos lembrar do bem-estar financeiro. Entenda melhor abaixo: 

  • bem-estar físico: desenvolvido através da prática de atividades físicas e hábitos alimentares saudáveis; 
  • bem-estar financeiro: capacidade de pagar todas as obrigações financeiras, ter segurança em relação ao futuro financeiro, sem deixar de aproveitar a vida;
  • bem-estar social: criar e manter relações pessoais com outros indivíduos na sociedade. 

Sendo assim, além da preocupação com a saúde mental dos colaboradores, o RH também precisa criar estratégias que envolvam o pacote completo: bem-estar físico, financeiro e social. 

Como cuidar do bem-estar mental no trabalho?

Como o RH pode promover ações voltadas para a saúde mental no trabalho? Como cuidar de outros tipos de bem-estar dos funcionários? Nós temos algumas dicas de estratégias que podem ser implementadas na sua empresa. Confira: 

1. Ofereça incentivos para cuidar da saúde mental

A área de RH pode incentivar o cuidado com o bem-estar mental como terapia online ou presencial. 

Nesse sentido, a empresa pode escolher um benefício de descontos em terapia ou arcar com os custos das sessões realizadas mensalmente. 

Além disso, é importante disponibilizar ferramentas de autoavaliação de saúde mental a todos os funcionários.

2. Crie um programa de bem-estar mental

A criação de um programa de bem-estar mental exige planejamento dos profissionais de RH. O ideal é montar um cronograma anual com todas as atividades que serão realizadas.

Esse calendário pode fornecer treinamentos focados em comportamentos para a melhoria do estilo de vida, palestras com especialistas sobre técnicas de gerenciamento de estresse, além de exercícios respiratórios e meditação, por exemplo. 

A empresa também pode distribuir materiais didáticos a todos os colaboradores sobre os sinais e sintomas de problemas relacionados à saúde mental, bem como as oportunidades de tratamento.

3. Forneça benefícios para todos os tipos de bem-estar

Encontrar um único benefício que cuide de todos os tipos de bem-estar pode não ser uma tarefa fácil, mas podemos facilitar para vocês. 

O benefício da Allya oferece uma plataforma com milhares de descontos para os funcionários utilizarem em todos os seus gastos.

Dessa forma, o colaborador consegue economizar nas despesas (bem-estar financeiro), frequentar academia com desconto (bem-estar físico), realizar terapia online (bem-estar mental) e ir ao cinema com os amigos (bem-estar social). Demais, né?

4. Faça pesquisas de satisfação e dê feedbacks

As pesquisas de satisfação ajudam o RH a entender as avaliações dos profissionais sobre as condições de trabalho, clima corporativo, benefícios oferecidos, entre outros quesitos.

Portanto, o ideal é aplicar essas avaliações para ouvir o que os trabalhadores têm a dizer sobre os pontos positivos e os pontos a melhorar. 

Dê também feedbacks construtivos para promover o desenvolvimento dos colaboradores.

Ficou interessado em implantar essas estratégias de saúde mental dos funcionários na sua empresa? Comece oferecendo o benefício de bem-estar da Allya! Aproveite também para assinar a nossa newsletter e ver mais dicas como essas!

Posts Recentes

Categorias

Amanda Miquelino

Amanda Miquelino

Jornalista, apaixonada pelo SEO e pelo Marketing Digital. Estou desvendando o mundo do RH para encontrar os melhores benefícios corporativos que promovam o bem-estar aos colaboradores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

document.getElementsByName('comment')[0].placeholder='Seu comentário aqui...'; document.getElementsByName('author')[0].placeholder='Nome (obrigatório)';