Como fazer a gestão de RH nas pequenas empresas

Pequenas empresas, grandes negócios, certo? Se você trabalha em uma instituição de pequeno porte, saiba que é necessário fazer a gestão de RH nas pequenas empresas. Embora muitos micros e pequenos empreendedores acreditem que essa área não é necessária, nós iremos provar que sim! Entenda melhor, abaixo! 

O que é gestão de RH nas pequenas empresas?

A gestão de RH nas pequenas empresas consiste nos cuidados, práticas, estratégias e ferramentas para criar uma boa relação entre a instituição e os seus colaboradores.

O RH é a ponte de ligação entre os interesses de desenvolvimento da empresa e o cuidado com o bem-estar de todos os funcionários.

Desse modo, esse departamento é responsável por recrutar, motivar e desenvolver os profissionais, entre outras funções.

Além de cuidar do capital humano, o RH também se preocupa com o ambiente de trabalho, clima organizacional e cultura organizacional.

Esse departamento também desenvolve e cuida das políticas de incentivo, como oferta de benefícios, programas de bem-estar, entre outras questões solicitadas conforme as necessidades dos colaboradores.

É obrigatório ter RH na empresa?

Não existe uma lei que obrigue que as empresas possuam um setor de Recursos Humanos

Porém, mesmo sem a obrigatoriedade, existe uma necessidade desta área em todos os tipos de negócio, principalmente as PMEs (pequenas e médias empresas).

Afinal, toda empresa é feita por pessoas e, por isso, esses trabalhadores precisam ser ouvidos, recompensados, treinados, avaliados, reconhecidos e orientados de forma correta. 

Quando ter um RH na empresa?

Se a sua empresa precisar contratar um colaborador, então ela precisa do apoio da área de RH. 

Isso porque o seu negócio está crescendo e precisa de acertos nas novas contratações para evitar equívocos no futuro. 

Além disso, se a sua empresa já tem mais de 10 colaboradores, então já é necessário ter os cargos e responsabilidades mais definidas, processos de integração mais eficientes, treinamentos estabelecidos, entre outras organizações. 

Como fazer gestão de RH em pequenas empresas?

Se você não sabe por onde começar, não tem problema! Nós da Allya vamos mostrar o passo a passo para gerenciar o RH em pequenas empresas. Veja as etapas, a seguir: 

1. Descubra as atribuições do setor

O primeiro passo é conhecimento sobre as atribuições do departamento de RH. Portanto, faça anotações sobre o que você espera para essa área. 

Para deixar mais organizado o RH de uma pequena empresa, crie um manual com todos os procedimentos e atividades que devem ser realizadas pelo setor.  

Uma ótima forma de informar sobre os processos e responsabilidades aos novos integrantes desse departamento no futuro. 

2. Atribuía os cargos e salários

No começo de toda empresa pequena, os empreendedores ficam perdidos sobre os cargos necessários e salários correspondentes às funções.

O RH pode ajudar nessa fase de atribuição dos cargos já existentes e das novas vagas que serão ocupadas pelos novos funcionários.

Procure indicar os cargos, habilidades necessárias, responsabilidades, salários e outros itens para compor a descrição dos cargos. 

3. Estruture o Recrutamento e Seleção

Se uma pequena empresa está estruturando o setor de Recursos Humanos é porque ela está crescendo e precisará do Recrutamento e Seleção.

Sendo assim, para assegurar uma boa captação de candidatos às vagas futuras, monte como será todo processo para a contratação. 

Crie os anúncios das vagas, saiba onde encontrar os profissionais ideais, as melhores ferramentas para testes, como será a entrevista, o processo de avaliação, as burocracias das contratações, treinamentos, entre outros fatores relacionados. 

4. Faça o onboarding de boas-vindas

O RH é a porta de entrada dos novos funcionários quando chegam em uma empresa para começar a trabalhar. 

Então, cuide do onboarding de novos colaboradores, informando as principais questões sobre a empresa, fale o que é esperado dele, detalhes da função e apresente-o à equipe.

Você pode oferecer um rodízio de setores para ajudar a integrar esse recém-contratado na empresa, além de dinâmicas, atividades práticas e reuniões descontraídas.

5. Forme a comunicação interna

Mesmo em pequenas empresas, a comunicação interna precisa ser feita de forma clara, eficiente e sem ruídos.

Sendo assim, estude as plataformas e ferramentas de RH que possam te ajudar a transmitir as informações necessárias para todos da empresa.

Os canais digitais, como e-mails e chats corporativos, são ótimos meios para fazer a comunicação com os trabalhadores.

Se precisar falar de assuntos mais urgentes e sérios, a reunião é a melhor forma de comunicação mais próxima.

6. Cuide do Clima Organizacional

Conforme as pequenas empresas vão contratando mais profissionais, o clima organizacional precisa de mais atenção.

O RH é responsável por motivar os colaboradores, identificar melhorias na convivência e criar estratégias para deixar o clima mais agradável.

Portanto, deixe claro que os funcionários podem procurar o RH para tirar dúvidas, dar sugestões ou fazer reclamações para melhorar o dia a dia na empresa.

7. Crie políticas de incentivo

É comum que pequenas empresas tenham mais dificuldade de atrair profissionais. Por isso, o RH precisa criar políticas de incentivo para atrair esses talentos.

Procure criar planos de carreira, programas de bem-estar e pacotes de benefícios atraentes. 

Além de atrair profissionais do mercado, essa também é uma forma de diminuir a rotatividade, algo muito comum em pequenas empresas que não possuem RH.

8. Invista em tecnologia 

Profissionais de RH em pequenas empresas costumam ter alto fluxo de trabalho e realizam atividades repetitivas que demandam muito tempo.

Uma dessas atividades cansativas é a busca manual por parcerias de desconto para os funcionários.

Para otimizar o setor de parcerias, invista em uma tecnologia como a plataforma de descontos da Allya, que oferece milhares de descontos para os colaboradores em um único aplicativo, sem a necessidade do RH ir atrás dessas vantagens.

Por que o RH é importante nas pequenas empresas?

Se você ainda tem dúvidas sobre a gestão de RH nas pequenas empresas, então veja os benefícios dessa prática:

  • Intermedia possíveis conflitos no trabalho.
  • Mantém os profissionais motivados e produtivos.
  • Organiza a documentação de todos os colaboradores.
  • Desenvolve políticas de bem-estar na empresa.
  • Cria um RH estratégico e sem burocracia.
  • Influencia no desenvolvimento e crescimento do negócio.
  • Recruta profissionais talentosos. 
  • Valoriza os trabalhadores
  • Garante um ambiente profissional agradável. 
  • Entre outros benefícios. 

Gostou de entender melhor a gestão de RH nas pequenas empresas? Se sim, não deixe de assinar nossa newsletter para ficar por dentro de outros assuntos como este!

Posts Recentes

Categorias

Amanda Miquelino

Amanda Miquelino

Jornalista, apaixonada pelo SEO e pelo Marketing Digital. Estou desvendando o mundo do RH para encontrar os melhores benefícios corporativos que promovam o bem-estar aos colaboradores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

document.getElementsByName('comment')[0].placeholder='Seu comentário aqui...'; document.getElementsByName('author')[0].placeholder='Nome (obrigatório)';